Paróquia São João Batista

Paróquia São João Batista

Praça da Matriz s/n Centro - CEP 44970-000 Ibipeba - Bahia


Telefone: (74) 3648-2247

Ibipeba quando denominada Tiririca do Bode, comandada pela diocese de cidade da Barra paróquia de Xique-Xique. O povo de Tiririca construiu a igreja local no Bairro alto Branco conhecido por Rua dos Barreiros onde hoje é construído o colégio, sendo usado o nome do padroeiro Senhor do Bonfim da paróquia de origem Xique-Xique.
Nesta época desobrigava como freguesia de senhor do Bonfim em Tiririca. O Pe. Francisco conhecido por chicão, o padre Pedro, missionário e bispo em data das missões representadas pela diocese de Macaúbas, cidade da Barra e Xique-Xique.
Após a separação da diocese de Brotas com a diocese de Barra, ficou Pe.Monsenhor costa desabrigado em Tiririca já afixado em Xique-Xique, Após a mudança do padre Monsenhor veio pra esta freguesia Padre Heitor, após a denominação de Tiririca do Assuruá a população demoliu a Igreja do alto Branco construindo outra igreja no centro da cidade inclusive o sino para esta nova igreja. Sendo doado o terreno a Arminda Barreto pelo seu Padrinho Henrique e Ferreira.
Nesta época dona Aurelina Ferro tendo sido favorecida em uma promessa com nossa senhora da lapinha trocou a imagem de Nossa Senhora do Perpetuo Socorro e ofereceu a Igreja de Tiririca cuja a 2ª Igreja construída ao mesmo tempo foi batizada a imagem de Nossa Senhora do Perpetuo Socorro em lembrança do antigo artigo do jornal correio do sertão de Morro do Chapéu conforme o comunicado que fez a senhora Dona Joana Ferro Barreto, foi festivamente batizada no dia 2 de Março de 1945 na Vila de Ibipeba a imagem de Nossa Senhora do Perpetuo Socorro padroeira da aplausível localidade de Tiririca.
Este ato religioso foi celebrado pelo reverendíssimo Padre josé Bastos.
Servindo de Padrinho da referida imagem cidadãos: Felix Santana, João Barreto, Antânio Amorim, Pedro Figueiredo, Adolfo Andrade, Albertino Soares, Geroselino Francolino Andrade e Napoleão Barreto.
Em desobriga nesta freguesia como padroeira Nossa Senhora do Perpetuo Socorro por algum tempo o reverendíssimo Pe. José bastos, Pe. Waldemar Francisco, Pe. Arnaldo. E tem de missões os Missionários: Renato Brandão, Capuchino e Fernando. Passaram dias nesta localidade de Ibipeba, sendo hóspedes de D. Joana Ferro.
Em data de 8 de Abril de 1952 D. joana trocou a imagem de São João Batista no Rio de Janeiro para fazer companhia a Nossa Senhora do Perpetuo Socorro.
De acordo com a nota fiscal do escritório e armazém religioso do estabelecimento fundado em 1806-Avenida Rio de Janeiro Nº76-86 capital Rio de Janeiro. Foi remetido a imagem de São João Batista, via Pirapora destino a Xique-Xique para o procurador de D. Joana Ferro o reverendíssimo Padre José Bastos de Oliveira. Ficando  por algum tempo os padres em sua casa desabriga usando o nome das 2 imagens Nossa Senhora do Perpetuo socorro e São João Batista, como padroeiros da Igreja de Ibipeba.
Atendendo a esta freguesia Pe. Mário, irmã Leticia e Frei Luiz.
A partir de 1972 foi criado a Paróquia da localidade de Ibipeba e seu município firmando a imagem de São João Batista, como padroeiro da Paróquia de Ibipeba.
Por volta de 1980 D. Joana, Luiz Barreto, Vivaldo Queiroz, Nainha, Osvaldo Lelis, Moyses Andrade e a Prefeitura interessado uma obra de nova estrutura, demolindo a 2ª Igreja construindo outra Igreja com bom acesso e acomodação para seus fieis.
Trabalhando nesta nova igreja padres italianos 1º Pe. João Cristiano, Francisco conhecido por Frei Chico e  o Pe. João Battista.